Pesquisar Neste blog

Carregando...

segunda-feira, 25 de julho de 2016

Uma água poderosa!


Eu sempre achei que o uso da água termal fosse frescura, já que é uma água com alguns aditivos. Mas não é bem assim, pois esses aditivos minerais têm várias funções e benefícios para a pele. Lembram-se da Dona Beija, que era muito bela, de pele bem cuidada e se banhava nas águas medicinais de Araxá? Ela também utilizava argila na pele, o que é ótimo, mas falarei em outro post.


Conheça as diversas maneiras de usar a Água Termal:

  • Maquiagem: uma opção natural para fixar a maquiagem por mais tempo. A dica é guardar o spray na geladeira, pulverizar no rosto e esperar secar antes de aplicar a maquiagem. 

  • A Água termal também funciona como ótimo complemento demaquilante, limpando e tirando as impurezas da pele.

  • Após a depilação ou o barbear: pela ação calmante e anti-irritante, alivia a sensação de ardência.

  • Após tratamento da acne, peelings e lasers: ajuda a restabelecer a suavidade e a luminosidade da pele, além da ação cicatrizante e antioxidante.

  • Dermatites: auxilia no tratamento das inflamações da pele. A Água termal nutre a nossa pele, melhora as defesas contra agressões ambientais e ajuda na hidratação e revitalização celular.
Água Dermatológica

  • Assaduras: pode ser aplicada no bebê após o banho ou após a troca de fraldas sobre a região de assadura para um melhor efeito cicatrizante da pele e conforto.

  • Durante o verão: durante a exposição solar, pulverize a Água termal para hidratar e refrescar a pele.

  • Eritema solar: aplicado após a exposição solar, a Água Termal ajuda a diminuir os efeitos do calor e suavizar a vermelhidão no rosto e no corpo.
Água termal com água de coco


Essas são algumas das propriedades terapêuticas da Água termal, conhecida desde o século XVIII. Graças a essas propriedades, ela pode ser considerada uma fonte de saúde e beleza para todos os tipos de pele.

terça-feira, 28 de junho de 2016

Os códigos da beleza


Olá, pessoal!

Às vezes me deparo pensando no quanto a dermatologia é encantadora! Além do tratamento das doenças, temos a possibilidade de tratar, e principalmente, prevenir o processo de envelhecimento.

Dentre todas as novidades disponíveis atualmente (que não são poucas!!), vou falar sobre a “febre” do momento,  o MD CODES (Códigos Médicos). 

Vocês já ouviram falar? É um método inovador de rejuvenescimento facial criado pelo cirurgião plástico brasileiro Dr. Maurício de Maio. 


O processo de envelhecimento facial está sendo cada vez mais estudado e hoje sabemos que não é só a pele que sofre os efeitos do tempo, mas também outros tecidos como a gordura subcutânea, os músculos e ossos. Ocorre uma complexa perda de sustentação facial em vários níveis, superficiais e profundos.

Hoje em dia não tratamos rugas isoladas (como o bigode chinês), pensamos na face como um todo, objetivando um rejuvenescimento natural e global! 


Através do método MD CODES avaliamos o rosto do paciente e podemos preencher pontos específicos e estratégicos com ácido hialurônico. A nova proposta é de um tratamento tridimensional através do mapeamento facial e reposição de volume em pontos específicos que resultam num efeito lifting e no embelezamento da face.


Já perceberam que todas as pessoas consideradas belas têm os contornos faciais bem definidos, a região malar (maçãs do rosto) bem marcadas? A vantagem do método é justamente essa, a de repor volume em pequena quantidade em várias áreas, de modo a redefinir esses contornos e ficar o mais natural possível. 


Existem casos cuja indicação não é o lifting com preenchedores, e sim o cirúrgico. Mas não é porque você já fez o lifting cirúrgico que está dispensado(a) dos preenchedores. A associação na maioria dos casos é muito bem-vinda. Portanto, uma avaliação individualizada é fundamental!


sábado, 11 de junho de 2016

Duplinha essencial para a proteção solar


Vocês sabiam que somente o filtro solar não é suficiente para proteger a pele? Pasmem!!! Mas em torno de 54% da radiação solar que incide na pele não é bloqueada pelos protetores solares! Eles são eficazes somente contra os raios ultravioleta (UVA e UVB), que correspondem a somente 7% da radiação solar. 


Ou seja, existe um tipo de radiação solar que o protetor não bloqueia, a Infravermelha (IV). O sol é a fonte primária de radiação infravermelha, mas aparelhos eletrônicos que transmitem calor (como secador de cabelo, chapinha, celular, computador, ferro de passar), também emitem raios IV. A radiação infravermelha pode causar inúmeros danos à pele, como rugas, manchas, perda de firmeza e densidade.


Mas e agora, doutora? Como vou fazer para me proteger adequadamente? 

A dica que vou dar é muito válida, principalmente para quem tem melasma! Quem é minha paciente sabe que em quase todos os casos prescrevo o uso desse produtinho antes do filtro solar!


Para uma proteção eficaz contra a radiação infravermelha é preciso utilizar diariamente um ANTIOXIDANTE tópico. O antioxidante penetra na pele profundamente, até a derme, e age internamente neutralizando a ação dos radicais livres, que causam danos às células. Somente o uso de um antioxidante protege a sua pele contra a radiação UV, infravermelha e ajuda a combater os sinais do envelhecimento. E o mais indicado é usá-lo antes do filtro solar, pela manhã, OK?

Cuidem-se! 

Beijos!

quarta-feira, 25 de maio de 2016

Existe "botox instantâneo"?


Oi, pessoal!


Tenho recebido muitas perguntas sobre alguns produtos que têm sido divulgados na internet e que prometem resultados imediatos, tipo um “botox instantâneo”.

A minha obrigação é esclarecer vocês e estimular o senso crítico. Vocês acreditam mesmo que ao aplicar apenas um creminho a sua pele vai rejuvenescer vários anos em poucos minutos?

Existem produtos que já são usados há algum tempo, inclusive prescritos por nós, dermatologistas, que dão o famoso efeito cinderela. Eles ajudam a dar aquela esticadinha na pele, mas geralmente duram umas 3 horas e depois volta tudo como era antes! Ou seja, eles não tratam a pele!!! Por isso indico o uso apenas em ocasiões especiais e festas.


O que acho importante vocês saberem:
- Com o uso deles a pele começa a repuxar e endurecer, tipo uma cola secando no seu rosto. Ela fica sem brilho e um pouco mais grossa.
- Esses produtos podem escorrer com a água ou suor, então, atenção ao usar.
- Evite passar base líquida por cima do creme, pois ela também pode fazer com que escorra um pouco.
- Passadas poucas horas o efeito do produto naturalmente acaba.
- Não devem ser usados todos os dias, porque ressecam a pele e podem causar dermatites.
- Como são aplicados na pálpebra inferior, uma área extremamente sensível do rosto, podem provocar irritações.

Portanto, se você quer melhorar a sua pele a longo prazo, o ideal é fazer os tratamentos com o seu dermato, para não precisar "esconder" pequenas imperfeições. Dessa forma você terá um resultado natural e real, e não um efeito semelhante às correções do Photoshop.
Esclarecido?


segunda-feira, 23 de maio de 2016

Filtro solar no outono-inverno


Hoje o dia amanheceu com uma neblina e mais friozinho. Agora que está chegando o inverno, fica aquela dúvida: será que faz muita diferença não passar o protetor solar? 


Faz SIM!!!! Vou citar as principais razões para você manter essa proteção:

1. A incidência de radiação solar no inverno e em dias nublados se mantém praticamente a mesma que nos dias ensolarados de verão. Até na neve há uma grande incidência de raios UVA.
2. Os efeitos do sol só aparecem depois de anos! Essas radiações podem causar: envelhecimento precoce, manchas e flacidez na pele. Acredite, no futuro você vai ficar grata (e linda!) por ter aplicado protetor solar todos os dias.
3. Atenção a sua saúde! Não é só pela questão estética, os raios ultravioletas podem causar lesões, como queimaduras e câncer de pele.
4. O cuidado deve ser redobrado se você estiver usando ácidos ou fazendo peelings ou laser. 

Gosto muito de aplicar a vitamina C antes do filtro para aumentar essa proteção, além dos seus efeitos antioxidantes e clareadores. Hoje apliquei o Booster C Powder misturado ao hidratante e depois fiquei na dúvida sobre qual desses filtros ia usar (rsrsrs)… Vou falar algumas diferenças entre eles.


O Bioderma Photoderm Max SPF 90 apresenta um FPS bem alto, ótimo para peles clarinhas e sensíveis! Fácil de espalhar, mas seca muito rápido e pode se acumular em alguns locais quando isso começa acontecer. Acho a cobertura leve e confortável de usar, mas não é muito seco. A cor clara fica escura para a minha pele. Quando uso, misturo com um pouco de base mais clara que a minha pele.

Isdin Active Unify é um protetor com muito alta proteção UVA e UVB e ação clareadora. Tem uma cobertura média e a cor é mais clara (pode ficar muito claro para peles morenas). É bem fluido e fácil de espalhar, deixa uma sensação de pele mais hidratada, e até brilhante, que eu particularmente gosto. 

O Phase Block Tinto tem uma proteção UVB muito boa (FPS 50) e UVA bem alta, segundo o laboratório é a mais alta do mercado. Apresenta o Lico Vit Complex (licorice e vitamina E), uma combinação de ativos com ação antioxidante e anti-inflamatória. A cor é color adapt (se adapta aos vários tons de pele), mas também fica escura para a minha pele (rsrsrs). Nesse caso, misturo com um pouco do Phase Block creme sem cor para chegar no tom.

São inúmeras opções de filtros no mercado… Como sempre digo, você deve escolher junto com o seu dermato a opção mais adequada ao seu caso e que te agrade mais!

Beijos e até a próxima!